Grupo Lacy e Eudis Barros seria a união dos sonhos na Raposa


A classe política de Raposa e a própria população, tem avaliado que uma união de dois dos maiores grupos políticos do município pode gerar uma vitória histórica nas eleições deste ano e o surgimento do maior grupo político de todos os tempos naquelas bandas.

José Lacy de Oliveira, pai da atual prefeita (Thalyta Medeiros Lacy do PCdoB), é considerado uma das maiores mentes políticas do Maranhão. “Ele é um político que sabe mexer as peças na hora certa. Só não aprende com ele quem não quer”, relatou ao blog um ex-colega de vereança de Lacy, na época em que Raposa ainda era Paço do Lumiar.

Do lado de lá, mas em um partido da base do governo do estado, temos o ex-presidente da Câmara, Eudis Barros do PL, que mostrou força ao rachar a família Paraíba no meio nas eleições de 2016, quando foi candidato a prefeito disputando contra Thalyta  e sua cunhada Oscilea (filha do ex-prefeito Paraiba).

Eudis é tido como o grande cérebro que ajudou a eleger por duas vezes o ex-prefeito Paraíba e o seu sucessor, o ex-prefeito Clodomir dos Santos de Oliveira. E dizem que Eudis é homem de palavra, que costuma honrar seus compromissos políticos. 

Aliados de Lacy e de Eudis Barros sonham com a aliança agora em 2020, numa chapa PL/PCdoB (22+65) pois seria a união dos sonhos, pelo menos é  o que alguns dizem por lá. É claro que a ideia não agrada todos os membros dos dois grupos, mas nem Jesus Cristo agradou a todos.

Somados, o 22 e o 65 teriam vitória certa na Raposa e poderiam costurar a vaga de vice, secretárias, a maioria na Câmara de Vereadores e logico, a presidência da Câmara.

O acordo teria que ser muito bem amarrado pelo governador Flávio Dino e pelo deputado Josemar de Maranhãozinho e o mais importante, teria que ser bem discutido com as bases do grupo Lacy e do grupo Eudis Barros.

O ex-vereador Márcio Greiki e o ex- candidato a vice-prefeito da chapa de Oscilea em 2016 (Omar do Ferão) são nomes fortes do PCdoB e do Republicanos que estão na disposição do grupo Lacy. 

Trocando em miudos, o grupo Lacy só perde a eleição se quiser, pois tem nomes como Eudis Barros, Márcio Greick e Omar do Ferão para fazer alianças e montar uma chapa que se tornará o maior grupo político ja visto na história do município da Raposa.